Wrecking Ball, Empreendedorismo e a 8D

Imagem_Destaque

I came in like a wreeeeeeecking ball!

O que aprendemos com Miley Cyrus além de NUNCA MAIS tirar foto com a língua de fora?

Que aquela bola dela destrói tudo e ela sobrevive.

E assim a gente também.


Uma nova empresa nasce da vontade de uma ou mais pessoas em fazer algo diferente ou da sua maneira. Surge de uma vontade de mudar algo. Nasce com o “eu acredito que a gente deva fazer isso porque…”.

E assim criamos nosso diferencial competitivo, nosso posicionamento estratégico, nossa apresentação comercial e mais um milhão de coisas. Até o primeiro cliente chegar.

Depois que ele chega (e eles começam a chegar, acredite) eles passam a ser a prioridade. Atendê-los, criar para eles, ser criativo para eles. E a nossa casa começa a ficar cheia de paredes internas que antes não existiam. E surge um segundo andar que nem pensávamos no início, com um mestre de obras que não sabemos de onde veio.

E com isso, barreiras.
Começamos a ter que manter um status quo. Precisamos manter a coisa acontecendo, funcionando e entregando. E, rapaz, em time que está ganhando não se mexe. Ouviu?

Quando percebemos, construímos algo que não planejamos e desconhecemos o que está de pé. E o que podemos fazer? Continuar habitando aquele lugar que nos é desconhecido com pessoas que queremos desconhecer, OU jogamos aquilo abaixo e agora, com conhecimento de causa, levantamos as paredes que sabemos que precisamos, deixando um ambiente amplo e propício para o nosso crescimento profissional?

 

MileyCyrus

 

A 8D fez isso. Comprou umas caixas e guardou tudo que tinha.
Depois trouxe a Miley, derrubou tudo e levantou uma nova estrutura.

Pensada, planejada e desenvolvida por nós e para nós.
Sem barreiras e limitações. Sem as coisas que não cabem mais na nossa estrutura. Das caixas que guardavam o que achávamos importante, apenas voltou o que sempre deveria estar lá.

Depois de tudo destruído, sobrevivemos.
Igual à Miley, meu chapa.